23.11.04

Pesados Também, Mas Não Só

O post da Martha do dia 20 já incomodou o Jorge, e devo confessar que me causou desconforto. Talvez por comungar com Martha do gosto pela poesia e pelo bom texto, sinto-me particularmente tocado pela sua queixa quanto ao conteúdo dos textos do blog.
Vou resumir minhas conclusões: o peso é parte, Martha. E aí tem uma certa sabedoria: a dor é incontornável, mas o sofrimento é opcional, já disseram. O peso que vivemos - a repressão, a crise econômica e humana, a falta de parâmetros éticos - deve ser abordado, discutido, denunciado com certeza. Mas considero-me alerta, a partir de agora, pra não exagerar neste "cacoete reinvindicatório", nesta mania de reclamar e denunciar que faça parecer que a vida se resume nisso.
Ou seja, ao peso o que é do peso. Mas não mais que isso, por gentileza.

Nenhum comentário: