28.7.04

Poesia Imprescindível

Claro/escuro, masculino/feminino...nesta conversa, imprescindível um poema do Jovino Machado:

meus homens minhas mulheres

minhas mulheres não são amélias
são orquídeas
não são camélias

meus homens são coração
maiakovski torquato neto
itamar assumpção

minhas mulheres são faraônicas
virginia woolf clarice
verônicas

meus homens são ilusão
drummond matisse joão
cores poesia e violão

E ainda Itamar/Leminski:

um homem
com uma dor
é muito mais elegante (...)

3 comentários:

Pati disse...

Linda a poesia, Martha! Quem é este Jovino? Eu já li ele na agenda da tribo, mas não tenho idéia se é do sul ou do norte...

Fred disse...

A Pati tá certa, a poesia é magnífica. Isto dos homens serem mais sensíveis e das mulheres mais agressivas ainda vai dar coisas lindas...

Fred disse...

Jovino é mineiro. Mais sobre ele em http://www.patife.art.br/poesia.php?qual=7