2.8.04

O Som da Música

Não soa tão bem em português: the sound of music é melhor. Mas é isso que é: o som que nos chega da música. Pra quem emite - como eu - é música. Está codificada, sei o autor, o que sinto e o que espero que o ouvinte sinta. Para quem ouve, é som: estranheza inicial, provocação ou livre-associação. Este ouvinte recebe esta matéria bruta que é tão delicada, e ao entrar em contato com ela, dá-lhe sentido. Faz dela experiência pessoal e íntima, converte-a (como naqueles antigos conversores de 110 pra 220 volts) em matéria emocional e sensorial própria, impossível de ser compratilhada com quem quer que seja.
Este fim de semana, toquei e fui tocado. Emitente e ouvinte. Jazz, blues, choro. Agora, está tudo aqui dentro.

Um comentário:

Martha O. de Barros disse...

Sim, Fred. Tudo aqui dentro. Graças a Deus. Lindo texto.